Diferenças gramaticais entre o inglês britânico e o inglês americano

O inglês americano (AmE) difere em alguns aspectos do inglês britânico (BrE).

Present Perfect – simple past

No inglês americano, tanto o present perfect quanto o simple past são usados para relatar algo que tem efeitos no presente. O simple past é freqüentemente usado com justalready,yetever e before.

  • (AmE): Sonia just phoned.
  • (BrE): Sonia has just phoned.
  • (AmE): Did Tom come home yet?
  • (BrE): Has Tom come home yet?
  • (AmE): Bill broke his leg, so he can’t drive us.
  • (BrE): Bill has broken his leg, so he can’t drive us.

No inglês americano, o particípio do verbo get é gotten.

  • (AmE): He‘s gotten much fatter since I last saw him.
  • (BrE): He‘s got much fatter since I last saw him.

mustn’t – needn’t

O uso de needn’t é raro no inglês americano. Em seu lugar, usa-se don’t need to e don’t have to.

  • (AmE): I don’t have to / don’t need to leave before 9:30.
  • (BrE): I needn’t / don’t have to / don’t need to leave before 9:30.

O artigo definido the

University e hospital são usados com the no inglês americano, mesmo quando se fala da função e da freqüência (usuários) da instituição.

  • (AmE): My father was in the hospital for two weeks last year.
  • (BrE): My father was in hospital for two weeks last year.

Nomes próprios de pontes (americanas) vêm com the no inglês americano.

  • (AmE): This is a photo of the Brooklyn Bridge.
  • (BrE): This is a photo of London Bridge.

No caso de instrumentos musicais, o artigo é às vezes omitido.

  • (AmE): Don plays piano.
  • (BrE): Don plays the piano.

 

Fonte: Tecla SAP